28 de abr de 2011

Depois de algum tempo sem postar, resolvemos abordar mais um tema que tem sido atacado e discutido por muitos de nosso setor.

Posts como o Die! Press release! Die! Die! Die! (2006) do Blog Silicon Valley Watcher davam a entender que o press-release estava com os seus dias contados; mas quem diria que, depois de 5 anos, ele ainda é uma das principais ferramentas de Relações Públicas e não se tem previsão de que ele morrerá tão cedo.

Por outro lado, nós acreditamos que ele precisa mudar, ou melhor, o Press-Release, como muitos programas, precisa de um upgrade. Este upgrade foi publicado há alguns anos pela Shift Communications que propagou o seu Modelo de Press-Release 2.0.

Esse upgrade é necessário, pois ele busca adequar o comunicado das empresas às revoluções que discutimos no post O Futuro da Comunicação Corporativa. A atualização mais urgente é que ele se torne uma ferramenta tanto para a propagação quanto para o compartilhamento das notícias divulgadas.

E, aproveitando que acabamos de finalizar o desenvolvimento do nosso novo Modelo de Press-Release Social 2011 (.pdf), estamos postando-o para explicar algumas das características e técnicas que utilizamos para nossos clientes.

10 Características

1. Características Básicas
Todo Press-Release precisa  ter sua estrutura bem configurada. Você pode criar o seu próprio seguindo este Manual Técnico (daVirtual Target) ou adaptar os modelos doMailChimpCampaign Monitor.
2. Curtir e Tweet e Comentários
Com o serviço AddThis é possível integrar o famoso botão "Curtir" e "Tweet" no Press-Release. E para possibilitar comentários, utilizamos o Disqus.
3. Compartilhe a Notícia
Além destes botões, também incluímos os de compartilhamento da notícia com os principais canais sociais. Esses botões (2 e 3) são essenciais para a propagação viral / boca-a-boca.
4. Cadastre-se no Mailing
Extremamente importante e quase sempre negligenciado. Um botão para que o seu mailing cresça em qualidade e em quantidade.
5. Imagens em Alta Resolução
Todo jornalista/bloggeiro precisa de imagens em Alta Resolução, mas simplesmente anexá-las ao email o deixa pesado. A solução é criar uma miniatura e linkar à imagem em alta.
6. Contato (Agência)
Além dos dados normais do profissional responsável pela conta, adicione formas de contato via web (ex. Messenger, Skype, Twitter...)
7. Mídia Social (Cliente)
Caso o cliente tenha Canais Próprios de mídia social, aproveite o Press-Release para conquistar mais audiência para ele. Acrescente também um link para o Feed RSS das notícias do Cliente.
pr-social
8. Canais Sociais
No fim do PR você pode colocar os canais de mídia social da sua agência (TwitterYoutubeFacebook). Isto ajudará a aumentar a audiência destes canais por pessoas interessadas em suas notícias (contanto que você os atualize).
9. Mensuração
Hoje já existem ferramentas capazes de mensurar cliques, aberturas, horário de abertura, cliques em imagens etc... Para o e-mail nós utilizamos o Virtual Target, para o Feed – FeedBurner, Links - Bit.ly.
10. Testes, Testes e mais Testes
Para ter certeza de que irá aparecer de forma idêntica em todos os clientes de e-mail, você pode testar a visualização com oLitmus.
Esperamos que aproveitem e que ajude a todos a pensar em mais características para melhorar esta ferramenta.
E Você? Acha que o Press-Release irá morrer ou sobreviver?

Nenhum comentário:

Postar um comentário