10 de jun de 2010

Ser e não ser, eis a questão!


Para buscarmos a felicidade é simples, não tem um regra a ser seguida. Não sou especialista no assunto, muito menos a pessoa certa para refletir a cerca do assunto. Sou apenas um simples mortal que como a maioria dos seres humanos que conheço, busca a felicidade ou se agarra em algo para ser feliz e ou pelo menos viver em harmonia com o que se acredita e gosta, religião, esporte, arte, etc.

Levo uma vida bastante conturbada, trabalho, família, amigos... vida social ativa. muiiiiiiito ativa. Confesso que mesmo com loucura do dia-a-dia, corre-corre, tenho tempo para me sentir sozinho. Acredita? O ser humano nunca está realizado cem por cento. Isso é bom ou ruim? Não sei, fica a pergunta.

Estou aqui para discutir os rumos da sociedade, ajudar e ser ajudado, pedir socorro e até implorar pela companhia de amigos, sou carente, louco e palhaço...

Mas confesso sou muito feliz com a vida que levo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário